Nova diretoria e Conselho Fiscal da Ampal são eleitos para o biênio 2017-2019

Imprimir
PDF
Partilhar no FacebookPartilhar no Twitter
Tamanho da Fonte:

O promotor de Justiça, Flávio Gomes da Costa, foi eleito nessa segunda-feira (7) o novo presidente da Associação do Ministério Público de Alagoas (Ampal). Além da nova diretoria, procuradores e promotores de Justiça escolheram os representantes para o Conselho Fiscal, todos eleitos para o biênio 2017-2019. Das 8h às 17h, os membros puderam votar no Centro de Convenções e na sede da própria Ampal, onde ocorreu a apuração.

A chapa “Compromisso e Luta” teve cerca de 80% de aprovação contabilizando o número de 143 votos. Para o novo presidente, é importante a união de todos para o fortalecimento da instituição.

“Temos o compromisso de reafirmar a todos que precisamos de um Ministério Público cada vez mais forte, estaremos unidos em favor dos seus membros, defendendo incansavelmente as suas prerrogativas e lhes concedendo apoio intransigente na realização do seu mister. A instituição é formada por membros ativos, inativos e servidores. Impossível ancorar seguramente sem a união e a integração de todos”, afirma o presidente da Ampal.

A nova diretoria entende como prioridade defender um Ministério Público democrático, social, proativo, resolutivo e guardião da cidadania.

“A todo instante, muitos desafios são impostos, porém somos homens e mulheres guerreiros. É compromisso da nova diretoria resistir, fazer uma Ampal cada vez mais forte, atuante e que sirva de escudo em qualquer batalha para defender os direitos e a autonomia institucional”, ressalta o promotor Flávio Costa .

Nova diretoria

A nova diretoria da Ampal é formada pelo presidente, Flávio Gomes da Costa; vice-presidente, Marcus Rômulo Maia de Mello; secretária- geral, Sandra Malta Prata Lima; diretor financeiro, Delfino Costa Neto; diretor de Comunicação e Relações Públicas, Roberto Salomão do Nascimento; diretor Cultural, Sidrack José do Nascimento; diretor social, Sílvio Azevedo Sampaio e diretor de aposentados, Manoel Carvalho de Lima.

Já para o Conselho Fiscal foram eleitos Givaldo de Barros Lessa, José Carlos Silva Castro, Geraldo Magela Barbosa Pirauá e Valter José de Omena Acioly.

Conselho Nacional do Ministério Público Conselho Nacional dos Procuradores Gerais Associação Nacional dos Membros do Ministério Público Colégio de Diretores de Escolas dos Ministérios Públicos do Brasil Conselho Nacional dos Ouvidores do Ministério Público Associação do Ministério Público de Alagoas Tribunal de Justiça de Alagoas